Empresas investem 5,7% do faturamento em TI

Publicado: 13/05/2008 em Notícias

Por Silvia Balieiro

O investimento médio das empresas brasileiras em TI foi de 5,7% do faturamento líquido em 2007. O número é resultado da 19ª Pesquisa Administração de Recursos de Informática, realizada pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) com 1700 grandes e médias empresas brasileiras.

Fonte: Info CORPORATE – 8/05/2008

O estudo mostra que o gasto das companhias do Brasil com tecnologia tem aumentado. Em 1988, o primeiro ano da pesquisa, o percentual de investimento era de 1,3%. Em 2002 chegou a 4,7% e hoje está na casa de 5,7%.

A maior parte desse investimento é direcionada para serviços. “As empresas têm terceirizado a maior parte da gestão de TI, inclusive hardware e software, por isso o maior gasto fica com os serviços”, diz Fernando Meirelles, professor responsável pelo levantamento.

Os bancos são os maiores investidores, gastando 12,3% do faturamento em TI. O setor de Serviços aparece com um gasto de 8,2% das receitas em TI. A Indústria investe um percentual de 3,8% e o comércio tem um investimento médio de 2,6% em tecnologia.

Considerando a venda de 10,5 milhões de PCs no ano passado, o estudo conclui que a base instalada de computadores nas empresas do país é de 45 milhões de máquinas, o que equivale a 1,1 micro por usuário. O número era de 18 milhões em 2002 e de 1 milhão em 1988.

A maior parte das máquinas, 81%, são Pentium 4. Mas computadores com configurações mais obsoletas não saíram de uso. Ainda estão na ativa 12% de Pentium III, 4% de Pentium II, 1% de Pentium e x86 e 2% de outros processadores.

No mundo de sistemas operacionais para servidores a Microsoft lidera com 65% do market share. A seguir vem o Unix e seus derivados, com 31%. A Novell tem 2% e outros programas 2% do mercado. O Netware da Novell foi o que mais perdeu espaço nos últimos 20 anos: diminuiu de 30% para 2% sua presença.

Já entre os micros dos usuários, o Windows tem uma maior hegemonia, com 97% de presença, contra 3% de outros sistemas operacionais.

Entre os bancos de dados a Microsoft não tem a liderança. A Oracle é a número 1, com 35% do mercado. O SQL Server tem 28%. A seguir vêm Access (7%), Progress (7%), xbase (5%), DB2 (5%) e outros (13%).

É nos pacotes de ERP que a presença nas empresas está mais disputada. Os quatro primeiros colocados têm 81% do mercado, com participações muito parecidas. O Grupo Totvs tem 24% de penetração nas companhias brasileiras. A SAP fechou 2007 com 23%, a Oracle soma 17% e a Datasul, 16%. Outros pacotes têm uma fatia de 20%.

Link: Info CORPORATE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s